logo Jogos Sobre
logo

Dólmen de Monte Serves

Tipo de património

Património material

Valor Patrimonial

Valor histórico






Descrição




O Dolmen de Monte Serves está localizado em Verdelha do Ruivo, Vialonga do município de Vila Franca de Xira.

O túmulo foi identificado por Octavio da Veiga Ferreira enquanto realizava pesquisas geológicas na região de Vila Franca de Xira. Mais tarde, sua escavação em 30 de setembro e 1 de outubro de 1972 foi dirigida pelo engenheiro Christopher Thomas North e contou com o apoio de G. Zbyszewsky, OV Ferreira, Manuel Leitão, Henry Reynolds de Sousa, Joseph Norton e Jorge Paulino.

Poucos artefatos foram encontrados o que complica uma datação precisa do monumento.
Pelo tipo de construção e tendo em conta outros espécimes característicos existentes nas regiões vizinhas, acreditava-se que tinha sido construído no período Neo-Chalcolítico. Também é importante destacar a presença de restos de ossos humanos de apenas um indivíduo.

A nível estrutural, este túmulo foi classificado como um dolmen com um corredor curto ou inexistente, com uma câmera subtrapeuzidal orientada para o sudeste, que é aproximadamente simétrica, aberta e coberta, presumivelmente com uma cúpula falsa. Ainda há vestígios visíveis do túmulo . Esta estrutura mostra pequenas diferenças que suscitam dúvidas sobre sua primeira avaliação arqueológica. Outro detalhe muito importante é o fato de que este túmulo é muito pequeno em comparação com outros do mesmo tipo.




Sinais de degradação



Os efeitos da chuva ácida sobre os monumentos históricos são provocados pela ocorrência de reações inorgânicas, denominadas reações de dupla troca.

Vale ressaltar ainda que toda chuva apresenta teor de ácido.

Além do desgaste físico (pequenas quebras) promovido pelo contato da gota da chuva com as construções, também ocorre um fenômeno químico,
com processos que levam à perda de massa das edificações.

Este monumento como se encontra numa zona muito natural e devido à sua idade sofreu alguns desgastes vísiveis.